Blog

11/02/2014
 

Os limites da personalização, eles existem?

Foi anunciado em um grupo do Facebook (vende-se abobrinhas) este GM Kadett, a principio o anuncio descrevia o carro como tuning, mas ao ver a foto, diversas pessoas tiveram uma reação diferente daquela reação de orgulho alheio quando se vê um projeto tuning top passando pela rua.

naofazer02Estamos aqui pra falar disso, será que o Tuning tem limites? Oque torna o carro feio ou bonito? Vai do gosto ou temos uma regra geral de beleza?

Partindo do principio básico, nada em excesso é bom, e pra você que pensou em dinheiro, nem dinheiro em excesso faz bem! Mas o foco é o tuning ou xuning, as vezes na empolgação, quando os hormonios ainda estão a flor da pele, jovens e adolescentes quando tem o seu primeiro carro, se empolgam UM POUCO nos seus projetos. Entendendo que não tendo acesso pleno a cultura automotiva e ao tuning, alguns erros podem ser cometidos. A lista dos 8 errros mais comuns segue abaixo:

1 – Colocar acessorios duplicados e sem sentido = 2 grades, 4 retrovisores ou mais rodas em um carro é furada, o carro acima de tudo precisa ser funcional.

2 – jamais, eu disse JAMAIS use logotipo de outra montadora que não seja a do seu carro, nem se for VW e tiver usando simbolo da audi passa kkkkkkk

3 – Leds são legais, e dão destaque ao projeto, mas cuidado não transforme seu carro numa arvore de natal ( ou numa entrada de motel)

4 – Acessórios de carro são acessórios de carro, salvo pequenas excessões o que é feito pra CAMINHÃO é pra usar em caminhão, atente-se!

5 – Entradas de ar, na minha humilde opinião tem quer ser de verdade ou pelo menos parecer de verdade.

6 – Se não for StickerBomb  não encha seu carro de adesivos e logotipos pra todos os cantos, procure centralizar em alguns pontos de destaque

7 – Se seu carro não é uma versão LUXO, não abuse muito de cromado, chama muito atenção e da um destaque que distorce a imagem do seu bólido.

8 –  Lembre-se dentro do seu carro é seu templo, não transforme seu tempo numa relojoaria, coloque apenas os instrumentos necessários

9 – Um carro rápido é um carro leve, se seu estilo é RACECAR esqueça parafernalhas visuais, e aposte num visual mais simples e leve.

10 – Sempre peça a opinião de uma ou mais pessoas que entendem e não praquele seu vizinho japonês que trabalha como caminhoneiro e precisa de tudo isso pra ser visível nas estradas dessa porcaria de país.

 

Espero ter ajudado vocês e  espero de coração que ajude também o dono deste carro, isso se realmente precisar, afinal a sua máquina tem que estar bonita em primeiro lugar pra você e não para os outros, se você acha dahora assim, mano segue a vida e vai curtir teu carro da melhor forma possível e com muita responsabilidade. Se acha que meus conselhos foram úteis, tenta seguir algumas dicas que coloquei ai em cima e depois manda a foto do carro pra gente!

Abraço galera e até a próxima

Comentários

comentários



Mais artigos por: »
escrito por: Pisando Fundo
Tags:, , ,


Facebook

Likebox Slider Pro for WordPress